Central Sicredi Norte/Nordeste
  • Acesse sua Conta
  • Cartões
  • Cobrança

Resenha Econômica

Sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Sexta-feira de alta volatilidade nos mercados internacionais. Na Ásia, predominaram os ganhos, com o rali chinês, após as autoridades locais realizarem esforço conjunto para acalmar os investidores, em decorrência de dados mais fracos de atividade no país. Entre as commodities, o petróleo se recuperou das perdas recentes, apoiado pelas tensões entre Estados Unidos e a Arábia Saudita, diante do desaparecimento de um jornalista. Já o cobre teve bom desempenho respondendo aos esforços do governo chinês, e também encerrou em alta.
Nos Estados Unidos, a sessão foi bastante instável, especialmente na parte da tarde. Acusações de que Rússia, Irã e China tentaram interferir no resultado das eleições derrubaram ações do Facebook e Twitter. Os índices Nasdaq e S&P encerraram em queda, mas o Dow Jones conseguiu se sustentar em terreno positivo. Os juros dos títulos públicos aumentaram, em meio à percepção de que os EUA tendem a aumentar em ritmo mais rápido a taxa básica.
No Brasil, após um estresse forte na última sessão, decorrente de um exterior volátil e preocupações quanto ao sucessor da presidência do Banco Central, os ativos encontraram espaço para alguma recuperação. O Ibovespa terminou em alta de 0,44%, acumulando valorização de 1,57% na semana. O câmbio doméstico seguiu o comportamento no exterior, onde o dólar perdeu valor frente à maior parte das divisas fortes e emergentes. A moeda americana encerrou cotada a R$ 3,71/US$, queda de 0,33%.